Tempo virado

Tempo virado
Questões de Francesca

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Eu sou imbecil

lálálálá

lálálálá


--------------------------------------------------

Hahahahahah, é, consegui duas oportunidades de estágio... e, no mesmo dia, me joguei com minha amiga no lixo.

Cadê a lógica?

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Transição

A vida é uma transição de momentos. Vagamos em ciclos à espera de fins e começos.

Quero desapegar do conceito de 'agora'. O agora não existe, ele acabou de passar.

Quero limpar minha mente do conceito de 'aqui'. O aqui acabou de se mover junto com a Terra, o Universo, etc...

Einstein já dizia: tempo é relativo. Espaço, por consequência, também o é.

Uma vez compreendido isso, toda nossa concepção do real está totalmente destruída. Passamos a ser somente sensasões, sentimentos e, portanto, energia.

Quem me dera me tornar puramente energia...

domingo, 12 de agosto de 2012

Símbolos mortos

O que são palavras? Sons que saem da minha boca e chegam a outra pessoa, fazendo-a entender o que eu quero expressar?

O que é a palavra escrita? Símbolos que são interpretados de tal maneira que remetam a sons que exprimem  um significado universal?

Qual é o significado de amor? Qual é o significado de raiva, frustração, tranquilidade ou mesmo alegria?

Os sentimentos são intangíveis, por isso insignificáveis (perdão pelo neologismo). E, uma vez que não há um significado "universal" para algo, não há como formar palavras que o exprimam.

Além disso, palavras nos remetem a uma memória. Sentimentos não são nunca lembrados perfeitamente. Também nunca sentimos a mesma coisa duas vezes, nem nunca duas pessoas sentirão exatamente o mesmo.

Palavras são inúteis para a comunicação do que transcende o físico.

Por isso digo que a tradução dos sentimentos não está nas palavras, nas nos gestos humanos. Está na arte, no sexo, está até em um olhar. Mas nunca escrito, muito menos dito.

A brancura é um estágio para a desintegração final

Estou lendo um livro do Valter Hugo Mãe chamado "máquina de fazer espanhóis", que fala quase que exclusivamente sobre a velhice. Estou tentando lê-lo aos poucos, mas admito que está difícil.

Não por estar lendo muito rápido, mas simplesmente por não o estar lendo.

Acontece que a velhice é algo que me aflige demais. Saber que um dia meu corpo e mente estarão em regressão é algo que me enlouquece cada vez mais. Chegar a um momento em que eu não poderei confiar na minha própria capacidade de pensar, realmente...

O pior é quando começo a divagar sobre a morte e num possível "desligamento geral". Não consigo imaginir o vazio, é frustrante e desesperador.

Enfim, vou continuar tentando ler.

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Aquela palavra

Acho fácil ver sensualidade em quase tudo à minha volta. De fato, é isso que eu procuro no mundo, nas coisas.

O ser humano é naturalmente sexual. O sexo tem um conceito para nós. Foda-se a reprodução, foda-se o prazer. Fazemos sexo para explodir em energia, que segue em fluxo intenso durante o ato em si. Transar não é nada mais (como se fosse pouco) que um intercâmbio de energias de proporções astronômicas.

É possível ver isso em todos os lugares, mas há aqueles que não querem enxergar.

E de novo...

O problema é que, quando te encontrei, estava morto, e você me fez sentir vivo mais uma vez. E com seu breve sopro de vida, expulsou para longe meu conforto, minha acomodação e inércia.

Insegurança, incerteza, inquietude, todos esses sentimentos imbecis e adolescentes vieram mais uma vez à tona. E eu, do jeito dramático que sempre fui, adorei. Amei.

Quase tanto quanto amei você.

--------------------------------------------------------------------------

Não gosto da repetição. Acho cansativo, por vezes irritante. Mas acontece que me repito todo dia quando lembro de você, falo de você.

E de novo... aí está sua pessoa em meus pensamentos e, pela infinitésima vez, em meu blog. Legal.

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Frase de efeito

"A criatividade é como pescar. Se você quiser um peixe pequeno, poderá achá-lo em águas rasas. Agora, se você quiser um peixe grande, terá que se aventurar em águas profundas." - David Lynch

Não costumo gostar de frases de efeito, mas essa aí é genial (como praticamente tudo do David Lynch).